ATENÇÃO Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.

Discurso da Presidente da Câmara

Presidente

Respeitada a voz da cidade e dignificada a Democracia, cumpre agora dar início a mais um mandato autárquico.

As minhas primeiras palavras são para o Presidente da Assembleia Municipal cessante, Joaquim Raposo.

A ele agradecer o diligente, competente, e sempre o afinco trabalho que mantivemos durante estes 4 anos, a relação institucional entre estes dois Órgãos saiu reforçada.

Saudar o regresso do António Ramos Preto, que hoje inicia novamente funções como Presidente da Assembleia Municipal.

Desejar-lhe os maiores sucessos, e deixar aqui a certeza da estreita colaboração que existirá sempre, entre a Câmara Municipal e a Assembleia Municipal.

Permitam-me também, uma referência especial aos Vereadores que agora deixam de exercer funções, Gabriel Oliveira, Eduardo Rosa, António Moreira, Clotilde Silva, Francisco dos Santos e Sónia Baptista, que me acompanharam na Vereação e nos ajudaram a construir uma cidade melhor, parte do sucesso desta cidade também se deve a vós, o meu sincero agradecimento.

Devido e justo reconhecimento à senhora Presidente da Junta de Freguesia de Alfragide, que agora cessa funções, Beatriz Azevedo.
Bem como a todos os Deputados Municipais e demais Autarcas, pelo contributo e serviço prestado à cidade.

Hoje, neste Ato de Tomada de Posse é imperativo reconhecer o trabalho feito, e enaltecer todos que contribuíram para a transformação profunda da Cidade da Amadora.

Deixem-me também dedicar uma palavra especial para os amigos e amigas que comigo quiseram partilhar este momento em que formalmente e perante todos vós assumo mais um mandato como Presidente da Câmara Municipal da Amadora.

Caras e caros Amadorenses, caras e caros amigos.

No dia 1 de Outubro a Democracia saiu reforçada e o Poder Autárquico fortalecido.

Quero saudar todos aqueles que ousaram dar o rosto e o nome na defesa dos seus projetos para a Amadora e que passo a enunciar, Tânia Marques, candidata pelo PTP, Mário Carvalho, candidato pelo Nós Cidadãos, Carlos Costa, candidato pelo PCTP-MRPP, João Pica, candidato pelo MIPA, Patrícia Caeiro, candidata pelo PAN, Deolinda Martin, candidata pelo Bloco de Esquerda, Amável Alves, candidato pela CDU, Carlos Silva, candidato pela coligação Amadora Mais.

Foi com a vossa participação num salutar combate democrático que juntos contribuímos para o enriquecimento da democracia na Amadora.

O Partido Socialista alcançou nestas eleições Autárquicas uma maioria histórica, aumentando o número de votos, elegendo 7 dos 11 elementos que compõem o executivo Municipal, aumentando o número de Deputados Municipais e conquistando todas as Juntas de Freguesia, 5 delas com maioria absoluta.

Recebemos esta vitória com responsabilidade acrescida, motivação redobrada e muita humildade.

É agora momento de agregar e chamar todos os atores políticos incluindo a oposição para a permanente e responsável participação na defesa dos interesses da Amadora e dos Amadorenses.

Todos, estou certa, Executivo Camarário, Deputados Municipais, Presidentes de Junta, e Autarcas em Geral, assumimos um compromisso comum, servir a Amadora e os Amadorenses, com espirito de missão e de forma abnegada, altruísta, com elevado sentido de responsabilidade.

Temos grandes desafios pela frente, não espero nem quero unanimismos, o nosso compromisso e o nosso desígnio assenta na consensualização sempre que possível, das políticas públicas, em questões essenciais e estratégicas de forma a reforçar os laços de lealdade institucional entre nós, e a confiança que os Amadorenses depositaram nos diversos candidatos.

Permitam-me também, e porque é de elementar justiça, endereçar uma palavra de apreço, reconhecimento e confiança a todos os trabalhadores e dirigentes da Autarquia. São estas as pessoas que fazem acontecer, que concretizam, a cada dia o nosso compromisso com a cidade.

A Amadora precisa de todos e eu conto com cada um de vós, muito obrigada pela vossa dedicação e entrega à cidade da Amadora.

Caras e caros Amadorenses, caras e caros amigos, o país atravessa uma conjuntura de exigência e rigor, mas também de oportunidade e confiança, para as Autarquias é tempo de novos desafios, continuamos a ter de fazer mais com menos, mas deparamo-nos com a necessidade de estimular a gestão autárquica, apoiada em novos recursos, onde a inovação, o conhecimento e a sustentabilidade encontram particular relevo.

Este mandato autárquico que agora se inicia ficará marcado, espero, por um reforço expressivo de competências nas mais diversas áreas que encaro com responsabilidade acrescida, mas também com um maior compromisso com a Cidade da Amadora, quando se gere de maior proximidade temos obrigação de fazer mais e de fazer melhor.

Temos que ser mais ambiciosos, a cidade não se confina apenas no seu território, é essencial continuar a criar sinergias nos mais diferentes planos de ação política, entre os vários domínios concelhios no âmbito da Área Metropolitana de Lisboa, e aqui, uma palavra de esperança para o papel futuro da Área Metropolitana, a Amadora ganhará sempre com uma área metropolitana forte e coesa, onde a articulação de políticas públicas estratégicas reforçará todos e cada um dos Municípios.

Temos que ser mais eficientes, garantindo a cada momento a utilização racional e articulada dos recursos existentes e adequando as respostas disponíveis no Município às reais necessidades da cidade e dos cidadãos.

Temos que apostar na inovação e no conhecimento como polo de atração de empresas e pessoas, e como forma de dinamizar a economia e o emprego.

No momento em que assumo novo mandato, resultado da confiança que os Amadorenses em nós depositaram, quero reiterar o nosso projeto, o nosso compromisso e a nossa ambição para a Amadora.

Com as pessoas, pelo rigor e pela eficiência, realizar investimentos em áreas prioritárias para o desenvolvimento do Concelho e melhoria da qualidade de vida dos Amadorenses, através da intransigente manutenção da sustentabilidade financeira do Município, continuando a aliviar progressivamente a carga fiscal dos nossos Munícipes.

Com as pessoas pelo investimento e a competitividade, consolidar a malha empresarial e dinamizar a atividade económica através da criação de mais e melhores acessibilidades, na melhoria dos fluxos de tráfego existentes e na promoção da multimodalidade de transportes.

Com as pessoas pelo mérito e pela excelência, assegurar o sucesso escolar e a empregabilidade de cidadãos qualificados, através da manutenção na grande aposta que tem sido a área da educação, e na sua rede de ensino profissional articulada com as necessidades do nosso tecido empresarial.

Com as pessoas pela requalificação e a coesão, reabilitar o edificado privado e público através de políticas públicas que continuem a humanizar a cidade, ancoradas num plano estratégico de consolidação do Concelho, alicerçado nas melhores práticas de desenvolvimento sustentável e qualificação do espaço público.

Com as pessoas pela criatividade e o entretimento, aprofundar e dar visibilidade à nossa diversidade cultural, representativa de 166 mil habitantes e mais de 60 nacionalidades, através do permanente encontro da Cidade com a cultura e com as suas diversas culturas.

Com as pessoas pela cidadania e pela solidariedade, estreitar em permanente diálogo os vínculos de confiança entre os cidadãos e entre estes com as instituições através de políticas que reforcem o apoio aos mais necessitados e contribuam para a promoção da melhoria da qualidade de vida das pessoas.

Caras e caros Amadorenses, caras e caros amigos, a Amadora é a nossa Cidade, uma Cidade em permanente transformação.

É com elevada responsabilidade, motivação, humildade e manifesta dedicação à causa pública que reitero o meu compromisso com a Cidade e com os Amadorenses.

Estou aqui de novo, com as pessoas e pelo futuro, porque é pelo futuro que iremos continuar a nossa missão ao serviço da Cidade, renovada a determinação, e sendo persistente a ambição, relembro as palavras de António Caeiro “Continuo a sentir-me renascida a cada momento para a eterna novidade do Mundo.”.

Viva a Cidade da Amadora.